ESMP realizará debate sobre o impacto da Lei Maria da Penha nas populações indígenas

Em razão do aniversário de 14 anos da Lei Maria da Penha, a Escola Superior do Ministério Público do Maranhão promoverá de forma virtual, na próxima quinta-feira, 3, às 10h, um debate para discutir o impacto da referida Lei nas comunidades indígenas. O evento será o primeiro do projeto “Diálogos Plurais”, uma série de discussões que a ESMP pretende realizar para ampliar o espaço de debate com a sociedade.

Participarão do encontro virtual, que será mediado pela diretora da ESMP, Karla Adriana Farias, a titular da 2ª Promotoria Especializada na Defesa da Mulher, Selma Martins; a secretária adjunta de estado da Mulher, Kari Guajajara; e a líder indígena Rosa Tremembé.

A diretora da ESMP destacou a realização do projeto e sua primeira edição. “A Escola Superior inaugura esta semana a atividade de extensão “Diálogos Plurais” com o objetivo promover um espaço de encontro e reflexão inclusivo e plural, que trate sobre temáticas ainda invisibilizadas, como é o caso da proteção das mulheres indígenas às violências machistas”, disse.

As inscrições para o evento podem ser realizadas no ambiente virtual de aprendizagem (AVA) da ESMP, disponível em https://ead.mpma.mp.br/. A transmissão será realizada pelo canal do Youtube da ESMP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.