Docas da Bahia visita Porto do Itaqui e firma parceria

Uma comitiva da Companhia Docas da Bahia (CODEBA) visitou o Porto do Itaqui nesta semana para conhecer de perto o modelo de gestão empreendido pela Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP). O encontro resultou na formalização de um protocolo de intenções de cooperação e parceria com o objetivo de estabelecer uma aliança destinada a fortalecer a movimentação de cargas no Arco Norte do país. Assinaram o documento o presidente do Itaqui, Ted Lago, e o diretor-presidente da CODEBA, Carlos Autran Amaral.

Além de Autran Amaral, a diretora de Gestão Comercial e de Desenvolvimento, Ana Paula; o diretor de Infraestrutura e Gestão Portuária, Augusto Cesar Posada, e o diretor de Gestão Administrativa e Financeira, Jenner Augusto Silveira integraram o grupo. A programação, em dois dias de atividades, contou com apresentações institucionais, reuniões com as áreas de gestão do Itaqui e de outras empresas da comunidade portuária.

“Apresentamos nossas certificações na gestão da qualidade e do meio ambiente, a política de investimentos e o sistema integrado de gestão portuária, dentre outras iniciativas do nosso programa de inovação. Somos portos de dois estados nos limites da região Nordeste e dentro desse espírito do sistema portuário público brasileiro, de buscar melhoria, essa parceria é muito positiva para o Maranhão, para a Bahia e para o Brasil”, afirmou Ted Lago.

“O que vimos é muito interessante no sentido de que muitas experiências utilizadas aqui podem ser implementadas lá, melhorando nossos processos e operações. E esperamos em breve uma visita da equipe do Itaqui, uma vez que o setor portuário está cada vez mais próximo da ideia de que somos complementares, mais do que concorrentes”, disse Autran Amaral. 

Ele também destacou as semelhanças entre os dois portos. “Fazemos parte do Arco Norte, temos cargas e até alguns clientes em comum. Essa troca fortalece o setor e traz benefícios para todos nós, principalmente agora, com o lançamento da BR do Mar, um sistema de cabotagem que o Ministério da Infraestrutura está lançando”, completou.

De acordo com o documento, válido por dois anos, as partes concordam em desenvolver iniciativas e atividades comerciais conjuntas, estudos de mercado e intercâmbio de informações relativas à gestão portuária, tecnologia, controles operacionais, performance e planejamento, dentre outros.

O Porto do Itaqui, administrado pela EMAP, é um dos maiores complexos portuários de movimentação de cargas do país, certificado nas ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 (excelência na gestão da Qualidade e do Meio Ambiente) e integra o top 3 no ranking de desempenho ambiental da ANTAQ.

A CODEBA é Autoridade Portuária responsável pela gestão dos portos públicos localizados na Bahia (Aratu – Candeias, Ilhéus e Salvador). A empresa atua no fomento à expansão econômica e social, provendo infraestrutura e fiscalização para garantir efetividade das operações e serviços portuários nesses portos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.