Descarbonização e Eficientização energética são temas de debate no primeiro dia do Citeenel 2023

Começou hoje (25) a 11ª edição do Congresso de Inovação Tecnológica e Eficiência Energética do Setor Elétrico – Citeenel. O evento vai até 27 de outubro e reúne em São luís, especialistas nacionais e internacionais para discutir os resultados, os desafios e as tendências de modernização e descarbonização do setor elétrico.

Com o tema “Inovação sob a perspectiva ESG: ambiental, social e governança”, o evento acontece em momento importante para o setor, em que empresas geradoras, transmissoras e distribuidoras de energia buscam alinhar sua atuação com a agenda ESG regulada e prevista pela ANEEL. O tradicional congresso conta com uma programação intensa de palestras, workshops e visitas técnicas.

“Receber um evento para discutir inovação e tecnologia, em um momento em que o Maranhão encara expressivo potencial de energia renovável, trará avanços na promoção de uma transição energética mais limpa não só para o estado, mas para todo o país.”, pontua Augusto Miranda, CEO do Grupo Equatorial Energia.

Na cerimônia de abertura estiveram presentes o Governador do Estado – Carlos Brandão, o Diretor Geral da ANEEL, Sandoval Feitosa; o CEO do Grupo Equatorial Energia, Augusto Miranda; a Diretora da ANEEL e Relatora do Citeenel, Agnes da Costa e o Diretor da ANEEL, Ricardo Tili. Os representantes reforçaram a importância do esforço coletivo para promover uma transição energética ecológica em nível nacional.

“O Citeenel tem como objetivo reunir todo o ecossistema relacionado a Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PDI) e de Eficiência Energética (EE) regulados pela ANEEL. E aqui nós conseguimos reunir as instituições públicas, privadas terceiro setor e a academia para discutir os resultados, os desafios e as oportunidades encontradas para avançar com os melhores produtos e serviços do setor de energia ofertados à sociedade brasileira.”, reforça o Diretor Geral da ANEEL, Sandoval Feitosa.

O Painel Programas de PDI e EE com resultados para a Sociedade, mediado pelo Diretor da ANEEL, Ricardo Tili, abriu a programação de debates. Na oportunidade líderes das principais empresas de energia do país compartilharam suas experiências e debateram os caminhos para uma eficientização energética mais justa e sustentável. Participaram do debate o Gerente Corporativo de PDI da Neoenergia, José Brito; o Especialista em Inovação do Grupo Energisa, José Eduardo; o Gerente Corporativo de Inovação da CPFL, Rafael Moya; a Diretora de Tecnologias Sociais da ONG Gerando Falcões, Nina Rentel e a Especialista em Distribuição e Tarifas de Energia Elétrica da PSR, Tatiana Zanelato.

O primeiro dia do evento ainda contou com um segundo painel com o tema Governança em PDI e EE no setor elétrico, moderado pelo Diretor da ANEEL, Fernando Mosna. Além de uma série de workshops:

Blockchain e certificação de descarbonização

Mediador: CEO da MultiLedgers, Marcela Gonçalves

Economia comportamental e ESG

Mediador: Sócio Diretor Institucional da SERH – Rômulo Rosa

Indicadores ESG em projetos de PDI e EE

Mediador: Sonia Consiglio

Sobre o CITEENEL

O CITEENEL, realizado bienalmente pela ANEEL em parceria com as distribuidoras, é o principal canal para discussão dos resultados e impactos dos Programas de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PDI) e de Eficiência Energética (EE) regulados pela Agência e implementados pelas empresas geradoras, transmissoras e distribuidoras de energia.  

O evento consiste em uma oportunidade para que empresas de energia elétrica e instituições divulguem as inovações tecnológicas desenvolvidas no âmbito dos programas de PDI e EE regulados pela ANEEL, além de ser um momento para discussão da regulamentação ora vigente. Também é um canal para discutir as tendências de modernização do setor elétrico, as transformações do mercado de energia, inovação e eficiência energética, entre outros temas.

O Congresso é voltado para profissionais do setor elétrico, fabricantes, universidades, startups, instituições de pesquisa e profissionais de inovação. E nesta edição conta com a realização da ANEEL em parceria com o Grupo Equatorial Energia.