AGED ministra palestra sobre agroindústria familiar no Cinturão Verde de São Luís

A importância da Agroindústria Familiar e de Pequeno Porte foi a palestra ministrada pelos fiscais estaduais agropecuários, da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (AGED/MA), para produtores do Cinturão Verde da Grande São Luís.

Atendendo a um convite da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp), a diretora de Defesa e Inspeção Sanitária Animal da AGED, Tânia Duarte, e o gestor da Unidade Regional de São Luís da AGED, Assuero Feitosa Jr, ministraram a palestra em um salão dentro do Cinturão Verde, abordando tópicos importantes sobre registro de produtos de origem animal, serviço de inspeção oficial, dentre outros.

O evento contou com a participação do secretário adjunto municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento de São Luís, Dilmar Sousa, e da superintendente de Inspeção Sanitária da Semapa, Alessandra Pontes, e toda a diretoria do Cinturão Verde.

O principal objetivo deste evento também foi de debater sobre a reabertura de um abatedouro de frango, que está no momento desativado. Os produtores apresentaram o interesse em reativar o estabelecimento e pretendem fazer o registro ou no Serviço de Inspeção Municipal (SIM) ou no Serviço de Inspeção Estadual (SIE), sendo que todo o processo irá passar por avaliações higiênico-sanitárias, sendo tudo devidamente inspecionado por profissionais habilitados. A única diferença está apenas no alcance de mercado para os produtos, sendo que o SIM habilita a comercialização dentro do município e/ou região metropolitana e o SIE os produtos podem ser comercializados em todo estado do Maranhão.