15º concurso cultural cartão de natal Fribal teve recorde de inscrições

Já é uma tradição anual, bastante esperada pelo público interno e que movimenta há 15 anos o Grupo Fribal: O concurso cultural de desenhos dos filhos de colaboradores, que criam as ilustrações do cartão de Natal corporativo da empresa.

Repleto de valores e significados, mais que um concurso com prêmios, essa ação é também um convite à emoção de se descobrir os melhores valores natalinos que estão presentes no imaginário das crianças. Uma atividade lúdica que é também um estímulo para reforçar a criatividade de cada criança. E a cada ano que passa, o concurso fica cada vez mais disputado e uma tarefa bem difícil de escolher, uma vez que as artes surpreendem e emocionam.

Essa décima quinta edição contou com um total de mais de mil desenhos inscritos, vindos das diversas áreas de negócios da Fribal, com operação nas cidades de São Luís, Imperatriz, Santa Inês e Fortaleza.

Os três primeiros ganhadores de cada cidade foram premiados com tablets, celulares e bicicletas, além de cestas natalinas repletas de delícias do Empório Fribal. A premiação aconteceu em todas as regionais.

Em São Luís os prêmios foram entregues aos vencedores pelo Vice – Presidente do Grupo Fribal Gustavo de Oliveira, acompanhado de três convidados bem especiais: Os colaboradores Yara Frazão, Matheus Francis e Robson. Eles são filhos de colaboradores e há 15 anos, participaram e foram vencedores desse mesmo concurso. Agora, na condição também de colaboradores da Fribal, eles anunciaram os vencedores de São Luís dessa edição, não escondendo a emoção de recordar a alegria que também vivenciaram quando venceram esse mesmo concurso.

Segundo o analista comercial jr da Fribal Matheus Francis, hoje com 24 anos e há seis anos na empresa, a emoção de recordar o que viveu aos dez anos de idade foi incrível:

“Minha mãe Sandra Helena Gama da Silva é assistente da diretoria da Fribal e me trouxe esse convite para participar do concurso de desenho da empresa, naquela que foi a primeira edição. Eu lembro de ter ficado muito feliz e bem orgulhoso de ter um desenho meu sendo elogiado por todos e entre os finalistas. Imagina, uma arte minha ilustrando o cartão de Natal da empresa, me senti muito importante. E hoje vejo essa mesma felicidade nas crianças que participaram. A Fribal está de parabéns por essa iniciativa que é inesquecível para todos os que participam, pais e filhos”, relatou Matheus Francis.

De São Luís, em primeiro lugar ficou o desenho de Emanuel Augusto Ferreira Macedo, de anos. Ele é filho da colaboradora Andreia Macedo, e foi também o grande ganhador geral do concurso, tendo seu desenho escolhido para ilustrar o cartão corporativo da empresa. Em segundo lugar ficou Sofia Helena do Espírito Santo, e em terceiro lugar Beatriz Vitória Pereira Penha.

Os ganhadores de Imperatriz foram Yoná Lude Pereira Mota (1º), João Bernardo da Silva Mesquita (2º) e Davi Luiz Feles de Brito (3º). De Santa Inês os vencedores foram: Wallef Antonia Andrade de Lima (1º), Enzo Arthur Santos Oliveira (2º) e Alana Mary Barbosa Siqueira (3º). E de Fortaleza sagraram-se campeões: Ágata Sofia Nascimento Rodrigues (1º), Paulo da Silva Alves (2º) e Clara Vitória Gama Santos. 

Detalhe: Todas as crianças que participaram do concurso, independente do resultado final, receberam de presente um kit escolar completo, mantendo essa que é outra tradição anual do Grupo Fribal, a de distribuir mochilas com material escolar para os filhos de todos os seus colaboradores.

Para a Fribal é sempre uma emoção a cada edição do concurso, atesta o Vice – Presidente Gustavo de Oliveira:

“Essa ação é emocionante por reunir diversos fatores relevantes. O primeiro é resgatar o melhor do Natal, que são os valores mais nobres, que estão no imaginário das crianças e ver isso traduzido em desenhos é incrível. Segundo é importante porque fomentamos a arte e a criatividade, e mais que isso, a importância que a Fribal dá à educação. Como acreditamos que cada criança representa o futuro do Estado e desse país, distribuímos esses kits escolares não apenas como um presente de Natal, mas também como um incentivo ao estudo. E esse ano foi ainda mais especial, porque contamos com a presença dos três colaboradores que foram, há 15 anos, os três primeiros vencedores desse concurso e que hoje integram o nosso quadro funcional. Família, educação, arte e emoção tudo isso é o que melhor traduz essa ação e a própria Fribal” declarou Gustavo de Oliveira.